quinta-feira, abril 18, 2024
HomeTecnologiaVacinas atualizadas contra Covid-19 devem chegar em setembro nos EUA, segundo autoridades

Vacinas atualizadas contra Covid-19 devem chegar em setembro nos EUA, segundo autoridades

País se prepara para a temporada de vírus respiratórios no hemisfério norte e deve ter vacinas ajustadas para ensinar ao corpo como se defender das variantes que estão atualmente em circulação.

Brenda Goodmanda CNN

As vacinas contra Covid-19 foram ajustadas para ensinar ao corpo como se defender das variantes que estão atualmente em circulação.

Elas devem ser disponibilizadas em meados de setembro nos Estados Unidos, segundo o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (Centers for Disease Control and Prevention, ou CDC, na sigla em inglês) e a Administração de Alimentos e Drogas (Food and Drug Administration, ou FDA, na sigla em inglês).

Autoridades dos órgãos falaram à CNN, na quinta-feira (24), sob a condição de não serem identificados, sobre os preparativos do governo dos EUA para a temporada de vírus respiratórios de outono e inverno no país.

É esperado que a FDA aprove as vacinas atualizadas para o país dentro de algumas semanas. Depois disso, o Comitê Consultivo sobre Práticas de Imunização, um grupo de especialistas independentes que aconselha o CDC nos EUA em decisões de vacinação, vai avaliar a segurança e a eficácia das novas vacinas e fará recomendações para a sua utilização.

Após a aprovação dessas recomendações pelo diretor do CDC, as vacinas poderão ser liberadas e aplicadas na população.

As autoridades disseram que o Comitê Consultivo se reunirá rapidamente após a decisão da FDA para agilizar as etapas regulatórias e colocar as vacinas no mercado.

O Comitê Consultivo tem uma reunião marcada para discutir as vacinas contra a Covid-19 em 12 de setembro, o que significa que os imunizantes podem estar disponíveis logo depois dessa data.

O anúncio ocorre em meio a um aumento de casos de Covid-19 no final do verão no hemisfério norte.

O CDC rastreia a doença pelo número de hospitalizações e atendimentos de emergência, bem como monitorando os testes de viajantes em alguns aeroportos. Mais de 12.600 americanos estão hospitalizados com Covid-19, e esse número está aumentando, com um salto de 22% na semana mais recente.

Ainda assim, de acordo com as autoridades, esses números representam cerca de um terço daqueles registrados há um ano, em grande parte graças à imunidade resultante de vacinas e infecções anteriores.

No entanto, os anticorpos contra a Covid-19 diminuem com o tempo e muitas pessoas precisam de um reforço.

Apenas cerca de 17% dos americanos elegíveis receberam as vacinas bivalentes no outono passado, a última vez que as imunizações foram atualizadas.

Espera-se que três vacinas estejam disponíveis este ano. Duas são vacinas de mRNA, da Pfizer e dModerna, e uma terceira vacina de subunidade proteica da Novavax. A vacina Novavax utiliza um tipo mais antigo de tecnologia que contém a proteína spike do vírus que causa a Covid-19, além de um ingrediente que acelera o sistema imunológico para produzir anticorpos contra ela.

Ambas as tecnologias de vacinas são bem compreendidas e seguras, e foram comprovadas no mundo real e em estudos clínicos para reduzir o risco de hospitalização e mortes por Covid-19, disseram as autoridades.

SourceCNN
RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments